Torcicolo Congênito

Hoje Enzo começou sua primeira sessão de fisioterapia motora. Ele foi diagnosticado com Torcicolo Muscular Congênita, um nome grande e assustador para uma situação não tão grave no caso dele (ainda bem né?)

O torcicolo congênito é uma contratura muscular que aparece nas primeiras semanas de vida e faz com que o bebê fique com a cabeça virada para um dos lados.
É relativamente comum, aparecendo 1 caso em cada 250 nascimentos, mas não se sabe a causa. Parece ter relação com o tipo de parto (apresentação cefálica) e com a posição do bebê dentro do útero.
Além da posição da cabeça, muitas vezes, nota-se um caroço na região do pescoço, que pode ter o tamanho de uma azeitona.
O tratamento é feito por meio de fisioterapia, com manobras de alongamento do músculo e geralmente o problema desaparece entre 6 meses a 1 ano. Nos casos mais graves, quando a criança pode apresentar deformidades cranianas e faciais ou a limitação do pescoço não regride, pode ser necessário fazer uma cirurgia.
Se o seu bebê fica virado só para um lado, converse com seu pediatra, pois o não tratamento do torcicolo pode acarretar em problemas para a criança.
Por Dr. José Luiz Setúbal
Fonte: “Torcicolo congênito: avaliação de dois tratamentos fisioterapêuticos”
Rev. paul. pediatr. vol.26 no.3 São Paulo Sept. 2008
Luciane Zanusso PagnossimI; Augusto Frederico S. SchmidtII; Joaquim Murray Bustorff-SilvaIII; Sérgio Tadeu M. MarbaIV; Lourenço SbragiaV

Comentários

  1. Como está o Enzo... minha bb apresente esse mesmo problema, mas já está com 7 meses, vou iniciar o tratamento só agora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla! Enzo ficou super bem depois da fisioterapia, com boa postura, anda, corre, brinca... desenvolvimento normal! :)

      Excluir

Postar um comentário