Ter um filho não envolve apenas uma decisão de momento, envolve um compromisso para o resto da vida. A mudança do papel social é um fator importante a considerar. Durante nove meses, estar-se-á instalando, no casal grávido, uma nova identidade. Os dois deixarão de ser apenas filhos para tornarem-se também pais. Mesmo quando a gestação não é do primeiro filho do casal, há reorganização familiar, é mais um filho chegando, um irmão para os outros filhos, trazendo todas as implicações inerentes a essas mudanças no meio familiar (Maldonado, 2005).

Comentários