5 Mitos sobre rotinas para bebês


Quando se fala em rotinas para bebês, muito gente, logo de início, assume uma posição receosa. Isso se dá, em geral por uma concepção errado do que deve ser a rotina de um bebê. Hoje vamos então falar sobre alguns mitos sobre a rotina de bebês pequenos:

1. Bebê só pode mamar de 3 em 3 horas

O bebê precisa mamar sempre que tem fome. Esse intervalo varia muito de uma criança para a outra e de uma fase para a outra. Um bebê que só mama de 3 em 3 horas pode, durante um pico de crescimento mamar a cada hora e isso faz parte da fisiologia dele.

2. O bebê tem que ter horários fixos

O bebê não tem relógio e não se pauta por ele. Muito mais importante do que horários em uma rotina para bebês, é a ordem na qual as coisas acontecem. Ele entende que ao acordar, vai mamar. Que, depois de mamar, vai trocar a fralda. Que depois de trocar a fralda, vai dar uma voltinha de sling, etc. Mas ele não entende se hoje isso tudo começou a acontecer às 06:00 da manhã e ontem, às 09:00. Depois de estabelecida uma rotina, as próprias mães passam a reparar que a criança começa a acertar os horários naturalmente.

3. Para o bebê dormir a noite toda é preciso desmamá-lo

É a mais equivocada das concepções. Um bebê que precisa mamar para dormir, vai precisar mamar, seja no seio ou na mamadeira. A diferença é que o seio traz dezenas de benefícios para o bebê e para a mãe. Se está pensando em desmamar seu filho por isso, procure ajuda antes. Você pode manter os lindos momentos da amamentação, as vantagens para a saúde de seu filho e suas noites de sono (dependendo do tamanho do bebê).

4. Não se deve ficar com o bebê no colo para ele não acostumar

O bebê precisa de contato físico e já nasceu acostumado ao colo (ficou nele por cerca de 9 meses). O colo dá segurança e tranquilidade para a criança. O que não se deve fazer é dar colo só quando a criança chora pois, como ela precisa de colo, vai chorar constantemente. Não deixe seu bebê no carrinho quando ele está quietinho. Nessa hora, dê colo e carinho e ele chorará muito menos.

5. Cama compartilhada atrapalha o sono

Muita gente acha que a criança dormir na cama dos pais é o que a faz acordar a noite toda. Se fosse assim, quem é casado não conseguiria dormir. O problema não costuma ser dormir com os outros mas, não saber dormir por si só, ou seja, o bebê precisa de algum artifício para adormecer.


Fonte: sosseguinho.com.br

Comentários