CAMPANHA DO LAÇO LARANJA

Anemia falciforme é uma doença hereditária, que leva a uma deformação das hemácias (glóbulos vermelhos), levando-os a se desenvolver em forma de foice.

Por esta razão, as células tornam-se rígidas ou endurecidas e tendem a formar grupos que podem fechar os pequenos vasos sanguíneos, dificultando a circulação do sangue e causando crises dolorosas. Como há vasos sangüíneos em todas as partes do corpo, pode ocorrer lesão em qualquer órgão, como o cérebro, pulmões, rins e outros. 

A doença é mais comum em indivíduos da raça negra, no Brasil o índice atinge 8% dos negros. Mas, devido à intensa miscigenação ocorrida no País, a patologia pode ser observada também em pessoas de raça branca ou parda, os chamados afro-descendentes.

O diagnóstico é feito através do exame eletroforese de hemoglobina ou exame de DNA, e nos casais portadores do traço falciforme, há um risco dos filhos virem a ser portadores da Anemia Falciforme. Por isso, é indicado o aconselhamento genético antes do planejamento de filhos e a realização do teste do pezinho. A doença quando identificada precocemente pode ser tratada e o paciente orientado para ter uma melhor qualidade de vida.

A missão do Centro de Referência em Doença Falcioforme - CERDOFI é diagnosticar precocemente a Anemia Falciforme reduzindo a morbi-mortalidade pela doença, melhorando a qualidade de vida desses pacientes. Atendendo as especialidades de Hematologia Pediátrica e Adulto, Pediatria Clínica, Enfermagem, Orientação Farmacêutica para medicamentos básicos e especiais, Educador Físico e Serviço Social.

CAMPANHA DO LAÇO LARANJA
Use para:

· Sensibilizar as autoridades e profissionais de saúde e educação para atenção especial ás pessoas com doença falciforme, através da divulgação e conscientização.

· Promover a melhoria da sobrevida e da qualidade de vida dos pacientes através de medidas gerais e preventivas.


· Conscientizar a comunidade no sentido de comprometê-la como um dos principais agentes reprodutores da informação e mobilização da população.


· Contribuir para o reconhecimento do acesso universal ao teste do pezinho como um direito fundamental.

Michelle Menezes Sousa

Enfermeira Hematologista e Hemoterapeuta

Coordenadora de Enfermagem do Centro de Referência em Doença Falciforme de Itabuna (CERDOFI)

Comentários