Atendimento e Aconselhamento Psicológico na Gestação, Parto e Pós-parto

A Psicoterapia é um processo de reorganização do nosso repertório de experiências e de nossas escolhas. Durante as sessões, o Psicoterapeuta irá ajudar o indivíduo a entrar em contato com suas formas de se perceber, de perceber as pessoas à sua volta e o mundo e observar como estas percepções influenciam suas escolhas e seus movimentos na vida. Para mudar escolhas, relações e comportamentos, precisamos ampliar nossa capacidade de observação, pois na maior parte do tempo não estamos totalmente conscientes do que estamos fazendo, do que estamos escolhendo, do que nos motiva a fazer tais escolhas. Nossa história de vida, nosso passado, muitas vezes ainda se faz presente em nosso universo emocional e interfere em nossas vivências  sem que tenhamos muita clareza disso ou de como modificar isso. A tomada de consciência sobre nossos padrões de funcionamento enquanto indivíduos é fundamental para que possamos ter mais clareza sobre nossa vida e nossas perspectivas de realização enquanto seres humanos. O atendimento psicológico que oferecemos não se reduz a simplesmente tratar de problemas mentais e emocionais, mas também é uma oportunidade de entrar em contato profundo com quem somos, o que queremos para nossa vida e de transformar ativamente nossa realidade. Em algumas circunstâncias de vida, como algumas fases da maternidade e paternidade, a psicoterapia pode dar suporte para que tenhamos melhor qualidade de vida emocional, para inclusive prevenir distúrbios, transtornos psíquicos e melhorar as relações e vínculos com nossos familiares e pessoas próximas.
Gestação, Parto e pós-parto são períodos de intensas transformações para uma mulher, um casal, uma família. Para a mulher, em especial, de forma ainda mais intensa, pois seu corpo também é a base para o desenvolvimento de um bebê. Em nossa sociedade, em geral, crescemos com pouco contato com gestantes, bebês, e quando tomamos contato com este universo, não temos acesso a muitas informações de qualidade sobre tudo o que mudará com a chegada de um bebê. Cada vez mais torna-se necessário ter informações de qualidade e apoio emocional para criar um filho na cultura em que vivemos, em que muitas mulheres e famílias vivem num ritmo acelerado, com pouco tempo disponível e grande distanciamento do universo infantil. Como vivenciar uma gestação de forma mais equilibrada e dar conta de todos os outros papéis na vida? Como lidar com as modificações fisiológicas e emocionais que surgem com a gestação, o parto e o pós-parto? Como lidar com as mudanças nas relações com o companheiro(a), com a família, com os colegas de trabalho, com as pessoas à volta? Como lidar com um bebê? uais as necessidades emocionais de uma mulher que agora é mãe, o que é normal ou não sentir? Quais as necessidades afetivas, emocionais de um bebê em suas diversas fases de desenvolvimento? Essas e outras questões atormentam muitas mães e familiares, e muitas mulheres vivenciam essas angústias sozinhas. Entrar em contato com tudo isso é fundamental para conseguir se reencontrar como indivíduo, fazer escolhas mais conscientes em relação a si e aos filhos, ter saúde emocional. Ter um espaço e tempo dedicados a essas reflexões e ao acolhimento dessas emoções, com um profissional especilizado, pode fazer toda a diferença para que essa mulher, esse casal, essa família, esse bebê, possam passar por todas essas transformações de forma mais positiva, amorosa e mais respeitosa às necessidades de cada indivíduo dentro dessa rede familiar.
O acompanhamento psicológico durante a gravidez, parto e pós-parto também pode oferecer ajuda em casos de:
  • Distúrbios de Stress e Ansiedade,
  • Perturbações Psicossomáticas,
  • Mulheres que tiveram dificuldades de engravidar ou abortos recorrentes,
  • Histórico de depressão,
  • Gravidez de Risco,
  • Gestantes Adolescentes,
  • Gestantes Sozinhas (Pai ausente),
  • Tristeza ou Depressão Pós-Parto,
  • Stress Pós-Traumático por perdas ou parto traumático
  • Gravidez não-desejada ou não planejada


Comentários